sexta-feira, 7 de julho de 2017

A BATALHA DE MONTEVIDÉU

                   Já tem uns 2 a 3 meses que eu não escrevo, o botafogo me faz voltar a escrever. Deixo uma pergunta, que botafogo é esse? Eu acompanho o botafogo há + de 50 anos, já ví times fantásticos, que os adversários tremiam, times médios e times bons, esse atual time, está longe, muito longe, de ser um time bom, até mesmo regular, dá para citar alguns jogadores muito abaixo do nível normal, exemplo de Arnaldo, Emerson Santos, Roger, Pimpão, Camilo, Guilherme, Gilson, Fonseca, fazem parte do elenco, mas uma coisa tem de ser dita, nunca vi um botafogo com tanta garra, força, tesão como esse time, parecem soldados na guerra brigando por um prato de comida, eu classifico de guerreiros alvinegros. Digo mais, com esse time tudo pode acontecer, vitórias gigantescas, inesperadas, contra gigantes, ou derrotas vergonhosas como foi diante do Avaí em casa. Que botafogo é esse?

                    Com a torcida reclamando, murmurando, cobrando reforços, um clima ruim, mediante aos últimos resultados, a torcida botafoguense comprou a briga, e umas duas mil pessoas embarcaram junto com o time para enfrentar um gigante Uruguaio, tudo deu certo, com 10 homens atrás da linha da bola, marcou, correu, lutou, deu suor e sangue no gramado, o famoso jogo de uma bola, e a bola veio, meio sem querer nosso meia o incansável João Paulo mandou para o gol, a partir do gol foi marcação e marcação, o nosso zagueiro amigo pessoal de Jair Ventura,  Emerson Silva, fez tudo para dá um gol ao Nacional, o botafogo que sempre é prejudicado pela arbitragem, nesse jogo foi beneficiado, tudo muito estranho, que botafogo é esse? Juizão cego, no segundo tempo, botafogo tocou melhor a bola, com mais 10% de ambição teríamos feito o segundo gol, treinador demorou demais em fazer mudanças. Eu que estava feliz com um 0x0 ou 1x1, ganhar 1x0 foi goleada.

                     Enquanto os guerreiros alvinegros lutavam em Montevidéu, aqui nosso gerente de futebol fazia sua parte, botafogo confirmava a contratação de Léo Valencia da seleção do Chile, e do atacante Andrés Rios, o que já vai dá uma melhorada acentuada no elenco e no time, o meia Valencia não é craque, mas é um jogador voluntarioso, de chegada, uma especie de Guerra do Palmeiras, já o Rios não é um Locco Abreu, mas está longe de ser um Roger, ou Pimpão da vida.

                      Botafogo fez sua parte, agora é com a torcida, nada, absolutamente nada, pode justificar o não comparecimento no dia 10 de agosto, espero um mínimo de 40 mil pessoas no Nilton Santos, torcida euforia, jogando junto, ano de eleição, os atos e atitudes do presidente deixa claro que Carlos Eduardo Pereira irá para a reeleição, quem viver verás. Quem tem QI alto sabe porque eu estou falando isso, os tolos ficam na dúvida sem saber o porque. Junto com o pessoal de Montenegro a eleição do botafogo é pule de 10, barbada. Fica a pergunta, que botafogo é esse? seremos campeão da libertadores? vc acredita? Eu acredito em tudo no futebol.

2 comentários:

troia disse...

SEM COMENTÁRIOS E FAZER.FAÇO DAS SUAS PALAVRAS AS MINHAS.NOTA 1000 PRO SEU BLOG HOJE

Marques Fogo disse...

Falou TUDO e mais um MONTÃO ! Tudo perfeito...sensacional!